13 de abr de 2011

Por que realizar o Fórum?

Ribeirão Preto está longe de ser a cidade que nós gostaríamos que fosse: com habitações dignas para todos, servidas por serviços de água, esgoto e eletricidade; com transporte coletivo rápido e eficiente para todas as suas regiões; com serviços públicos de qualidade, acessíveis a todos, para o atendimento das necessidades de saúde e de educação, em todos os níveis e para todas as idades; com oferta de trabalho e emprego em todo o seu território; com áreas verdes e de lazer, esporte, arte e cultura em toda parte; com possibilidades de convívio solidário; sem violência nem insegurança nas ruas e nas casas; sem poluição do ar e dos rios, nem congestionamentos de trânsito; sem enchentes; sem segregações nem discriminações sociais e raciais; com possibilidade de participação de todos os seus cidadãos nas decisões das diversas instituições e esferas do governo municipal.
Ao invés, Ribeirão Preto tem grandes carências em todos esses aspectos e grandes desníveis na qualidade de vida de seus bairros, refletindo a desigualdade social gritante que existe em nosso país. É preciso, portanto, fazer com que “o direito à cidade, em toda a sua riqueza e diversidade, seja uma realidade para todos os seus habitantes”. O lema do Fórum Social de Ribeirão Preto explica bem porque realizá-lo: “Uma outra Ribeirão é possível, necessária e urgente!” 

Nenhum comentário:

Postar um comentário